Elohut do Mashiach

 

 

Muito se discute sobre a elohut (“divindade”) de Yeshua, existindo entre teólogos e leigos miríades de concepções distintas acerca da questão.

Em linhas gerais, podem ser compendiadas as principais correntes de pensamento da seguinte forma:

1ª corrente - Yeshua foi tão somente um profeta, um homem especial e grande professor de moral, não se podendo atribuir-lhe elohut (“divindade”).

2ª corrente - Yeshua foi o primeiro ser criado pelo ETERNO, que lhe concedeu grande autoridade perante os homens, conferindo-lhe o papel de revelar YHWH à humanidade. Yeshua foi gerado com substância divina e é o representante oficial de Elohim junto aos homens. Por ser filho do ETERNO, Yeshua deve obediência ao Pai. À luz deste pensamento, o Mashiach (Messias) é inferior a YHWH, mas superior aos anjos e aos homens.

3ª corrente - a doutrina da Trindade vislumbra Deus como sendo composto de três pessoas divinas em unidade essencial e eterna. Existe um ETERNO, porém, esta unidade é constituída de três pessoas diferentes (o Pai, o Filho e o Espírito Santo) e que possuem personalidades também distintas.

4ª corrente - a visão de que o Pai, o Filho e o Espírito Santo são três aspectos ou três manifestações do ETERNO, que é um. Nesta concepção, não existe nenhuma diferença entre a essência ou a natureza do Pai, do Filho e do Espírito Santo. O Pai é o próprio Filho; o Filho é o próprio Espírito Santo; o Espírito Santo é o próprio Pai, ou seja, não existe nenhuma distinção entre si.

5ª corrente - YHWH é UM (echad). YHWH se revela de muitas maneiras aos homens, precipuamente se revela por meio das k’numeh (manifestações/essências/naturezas) do Pai, do Filho e da Ruach HaKodesh (“Espírito Santo”). O Pai é YHWH; Yeshua é YHWH (Yochanan/João 1) e a Ruach HaKodesh é YHWH (Bereshit/Gênesis 1:2). O ETERNO é UM e possui três distintas k’numeh (essências/naturezas). Esta corrente se distingue da doutrina da Trindade (3ª corrente), porque não crê em três pessoas com três personalidades distintas, mas tão somente em único ETERNO que se revela por meio de três distintas manifestações/essências/naturezas (k’numeh). Também esta concepção não se confunde com a 4ª corrente, visto que esta última acha que o Pai, o Filho e o Espírito são iguais, inexistindo diferença quanto à essência/natureza.

Existem muitas outras teorias teológicas a este respeito, e não temos o objetivo de esgotar o assunto, mas apenas de apresentar uma visão geral do embate doutrinário.

Nesta série de artigos, demonstrar-se-á que, à luz das Escrituras, YHWH é UM (e não três pessoas), manifestando-se por meio de três essências/naturezas: o Pai, o Filho e a Ruach HaKodesh. Ou seja, os discípulos originais de Yeshua criam na 5ª corrente acima apresentada. Tal fato é comprovado: 1) pelo Tanach (Primeiras Escrituras); 2) pela B'rit Chadashá ("Novo Testamento") em aramaico; 3) por provas históricas; 4) pelos Targumim; 5) pelo Talmud; 6) pelas obras da Cabalá judaica; 7) pelo relato de antigos rabinos. Todos estes dados serão devidamente investigados em uma série de artigos.

 

Clique nos links abaixo para acessar os estudos

 © Todos os direitos reservados. Os artigos deste site podem ser livremente distribuídos, desde que gratuitamente, mencionando-se o site e o autor Tsadok Ben Derech.

 

Yeshua é YHWH

PARTE XIII - CONCLUSÃO

24/08/2013 19:39
PARTE XIII CONCLUSÃO   Por Tsadok Ben Derech   Em todos os artigos anteriores (Partes I a XII), demonstrou-se que, à luz das Escrituras, Yeshua é YHWH. À guia de conclusão, compendiamos tudo o que foi lecionado de acordo com as seguintes proposições objetivas, todas com espeque nas...