Discriminação racial versus princípio da igualdade

15/02/2015 17:39

Discriminação racial 

versus 

Princípio da igualdade

 

Por Tsadok Ben Derech

 

 

DISCRIMINAÇÃO RACIAL:

 

Rabino Yehudá HaLevi:

“Exclusivamente nós [judeus] estamos obrigados a agir de acordo com a Torá. No entanto, se um indivíduo de outra nação [gentio] quiser se juntar a nós por meio de uma conversão, tornar-se-á também um recipiente do Fluxo Divino, assim como nós, ainda que não alcance todo o nosso potencial” (O Cuzarí, página ed. Sêfer, página 59).

 

Rabino Moshé Chaim Luzzatto:

“Essas nações [= gentios] ainda conservam o aspecto humano, por mais maculado que seja, e D’us desejou que elas tivessem pelo menos uma contrapartida do que era realmente adequado para a humanidade inteira. Assim, concedeu-lhes uma alma divina (Neshamá), de certa maneira parecida à do judeu, apesar de estar num nível mais baixo.

(...)

As almas dos gentios e justos terão permissão de existir no Mundo Futuro, porém apenas como acréscimos e acessórios de Israel. Portanto, serão secundários aos judeus, da mesma maneira que a vestimenta é secundária à pessoa que a veste. Tudo aquilo que eles atingirem de Bem derradeiro [sic], terá de ser atingido desta maneira, uma vez que, em virtude de sua natureza, eles não podem receber mais.” (O Caminho de Deus, editora Maayanot, páginas 94 e 95).

 

Talmud:

Apesar de os gentios justos terem uma porção no Mundo Vindouro (Sanhedrin 105 a), não obterão uma recompensa completa por obedecer a seus mandamentos (Bava Kama 38a; Avodá Zará 3a; Rashi sobre Avodá Zará 6a).

 

Zohar Chadash:

Os gentios têm um Mundo Vindouro separado, menor (Zohar Chadash 78d).

 

Midrash:

Os gentios não participarão da ressurreição e, portanto, existirão no Mundo Vindouro somente como almas (Bereshit Rabá 13:4; Vayikrá Rabá 13:2).

 

PRINCÍPIO DA IGUALDADE

 

Rabino Sha’ul HaShaliach:

“Não há judeu nem arameu [= gentio]; não há servo e nem filho da liberdade; não há homem nem mulher, pois todos vocês são um em Yeshua HaMashiach” (Gálatas 3:28, tradução do aramaico por Tsadok Ben Derech).

 

 

Voltar